Páginas

domingo, 26 de abril de 2015

BEBEL, DA APEOESP, VAI
AO ATAQUE CONTRA REINALDO

A presidente da Sindicato dos Professores do Ensino Oficial  do Estado de São Paulo (Apeoesp), Maria Izabel de Azevedo Noronha, a Bebel, divulga nota  crítica ao jornalista Reinaldo Azevedo, da Veja e Jovem Pan, um dos sabujos do PSDB na mídia familiar.

O jornalista critica a greve dos professores, que já dura 40 dias, sempre a favor da postura ditatorial do governador Geraldo Alckmin, de não dialogar com a categoria.

Abaixo, a nota da Apeoesp extraída do portal Brasil 247

Montagem das fotos: Portal Brasil 247
Mais um ataque de Reinaldo Azevedo contra os professores. Até quando?

Novamente, o pseudo-jornalista Reinaldo Azevedo vem a campo para defender seus patrões, o PSDB. Novamente, ataca com baixeza minha pessoa e os professores estaduais em greve.

Mentiroso contumaz, este senhor diz que nossa categoria reivindica 75% de reajuste salarial de uma única vez. As pessoas sérias, que leem os materiais do nosso sindicato, já sabem que estamos pedindo um plano de composição salarial para alcançar o aumento de 75,33% necessário à equiparação salarial com os demais profissionais de formação com nível superior, como determina a meta 17 do Plano Nacional de Educação (PNE), que é uma lei votada pelo Congresso Nacional e sancionada pela Presidenta da República. Reinaldo Azevedo propõe, então, que o Governo do PSDB não cumpra a lei.

Ele vocifera contra um grupo de professores que tentou ocupar a sede da Secretaria Estadual da Educação, após uma reunião na qual o Secretário da Educação disse não ou não respondeu aos pontos da nossa pauta de reivindicações. Ao contrário do que ele diz, nosso sindicato não deliberou que fosse feita esta ação, mas é compreensível que professores estejam indignados, cansados e estressados com o pouco caso do governo do PSDB para com a nossa categoria e para com a escola pública.

Por que Reinaldo Azevedo não se mostra indignado com a postura autoritária e irresponsável do Governador e do Secretário da Educação, que ignoram milhares de professores em greve há mais de 40 dias e milhões de alunos sem aulas? Sim, porque pode estar havendo tudo nas escolas estaduais, menos aulas regulares. Alunos são empilhados em salas superlotadas, com turmas agrupadas, onde professores eventuais tentam manter um falso clima de normalidade, de acordo com a determinação da Secretaria da Educação. É isso que deseja Reinaldo Azevedo para os estudantes das escolas estaduais, porque nutre profundo desprezo pelas camadas pobres da população, usuárias das escolas públicas.

Este senhor tenta atacar-me utilizando minha trajetória sindical. Quanta pobreza de espírito! Tenho um enorme orgulho de minha história, que é bem diferente da de Reinaldo Azevedo, que ganha a vida dedicando-se a enxovalhar pessoas. Sim, eu me dedico diuturnamente a defender os professores e a escola pública. Sou professora, estou dirigente sindical, porque fui eleita e reeleita diversas vezes pelo voto direto para esta função. E este jornalista? Que caminhos tortuosos o trouxeram à sua condição atual?

Todos os anos participo da atribuição de aulas na Escola Estadual Monsenhor Jerônymo Gallo, em Piracicaba, onde sou professora efetiva. Depois disponibilizo as aulas para outro colega, porque tenho direito legal ao afastamento para exercício de mandato sindical. Tenho uma ligação muito profunda com os professores e com os estudantes da rede estadual de ensino, algo que Reinaldo Azevedo e seus patrões nunca conseguirão me tirar, porque faz parte da minha alma.

O que interessa, mesmo, é que o Governo Estadual do PSDB, Reinaldo Azevedo e outros sabujos jamais conseguirão quebrar a força, a dignidade e espírito de luta dos professores da rede estadual de ensino. Por isso estão tão nervosos. Por isso, cada vez mais, este pretenso jornalista escreve seus textos com lama.

Maria Izabel Azevedo Noronha
Presidenta da APEOESP

50 ANOS DA TV GLOBO: VAMOS DESCOMEMORAR!

Extraído do blog Tijolaço, do jornalista Fernando Brito



















A TV Globo festejará os seus 50 anos de existência no dia 26 de abril. Serão promovidos megaeventos e lançados vários produtos comemorativos. No mesmo período, porém, muita gente está disposta a promover a “descomemoração” do aniversário do império global, um ato de repúdio ao papel nocivo desse grupo de mídia na história do país. Uma palavra-de-ordem que se destaca em todo o Brasil em manifestações recentes é: “O povo não é bobo. Fora Rede Globo”. E motivos não faltam para esta revolta.

A emissora é filha bastarda do golpe militar de 1964. O então diretor do jornal “O Globo” Roberto Marinho foi um dos principais incentivadores da deposição do presidente João Goulart, dando sustentação ideológica à ação das Forças Armadas. Um ano depois, foi fundada a sua emissora de televisão, que ganhou as graças dos ditadores. O império foi construído com incentivos públicos, isenções fiscais e outras mutretas. Os concorrentes no setor foram alijados, apesar do falso discurso global sobre o livre mercado.

Nascida da costela da ditadura, a TV Globo tem um DNA golpista. Apoiou abertamente as prisões, torturas e assassinatos de inúmeros lutadores patriotas e democratas que combateram o regime autoritário. Fez de tudo para salvar o regime dos ditadores, inclusive omitindo a jornada das Diretas Já na década de 80. Com a democratização do país, ela atuou para eleger seus candidatos – os falsos “caçadores de marajás” e os convertidos “príncipes neoliberais”. Na fase recente, a TV Globo militou contra toda e qualquer avanço mais progressista, atuando na desestabilização dos governos que não rezam integralmente a sua cartilha. Nas marchas de março desse ano, ela ajudou a mobilizar o anseio golpista e garantiu a ele todos seus holofotes.

A revolta contra a Globo que ganha corpo está ligada também à postura sempre autoritária diante dos movimentos sociais brasileiros. As lutas dos trabalhadores ou não são notícia na telinha ou são duramente criminalizadas. A emissora nunca escondeu o seu ódio ao sindicalismo, às lutas da juventude, aos movimentos dos sem-terra e dos sem-teto. Através da sua programação, não é nada raro ver a naturalização e o reforço ao ódio e ao preconceito. Esse clima de controle e censura oprime jornalistas, radialistas e demais trabalhadores da empresa, que são subjugados por uma linha editorial que impede, na prática, o exercício do bom jornalismo, servidor do interesse público, em vez da submissão à ânsia de poder de grupos privados.

Além da sua linha editorial golpista e autoritária, a Rede Globo – que adora criminalizar a política e posar de paladina da ética – está envolvida em inúmeros casos suspeitos. Até hoje, ela não mostrou o Darf (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) do pagamento dos seus impostos, o que só reforça a suspeita da bilionária sonegação da empresa na compra dos direitos de transmissão da Copa do Mundo de 2002. A falta de transparência do império em inúmeros negócios é total. Ela prega o chamado “Estado mínimo”, mas vive mamando nos cofres públicos, seja através dos recursos milionários da publicidade oficial ou de outros expedientes mais sinistros.

Essas e outras razões explicam o forte desejo de manifestar o repúdio à TV Globo em seu aniversário de 50 anos. Assim, vamos realizar em torno do dia 26 de abril uma série de manifestações, em todo o país, para denunciar a emissora como golpista ontem e hoje; exigir a comprovação do pagamento de seus impostos; e reforçar a luta por uma mídia democrática no Brasil.

Sem enfrentar o poder e colocar limites à maior emissora do Brasil – e uma das cinco maiores do mundo – não será possível garantir a regulamentação dos artigos da Constituição que proíbem o monopólio para levar a cabo a democratização do país. Por isso, vamos às ruas contra a Globo e convidamos todos os brasileiros comprometidos com a democracia, a liberdade de expressão, a cultura nacional, o jornalismo livre e a soberania popular a participar das manifestações em todo o país.

Assinam (em ordem alfabética):

ANPG – Associação Nacional de Pós-Graduandos
Associação Franciscana de Defesa de Direitos e Formação Popular
Blog da Cidadania
Blog Irani Lima (NR: acrescentei)
Blog Maria Frô
Blog O Cafezinho
Blog Tijolaço
Blog Viomundo
Brasil de Fato
Campanha por uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político
Centro de Estudos Barão de Itarare
Consulta Popular
Contracs – Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços
CTB- Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil
CUT- Central Única dos Trabalhadores
Enegrecer- Coletivo Nacional de Juventude Negra
FNDC- Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação
Fora do Eixo
FUP- Federação Única dos Petroleiros
Intersindical Central da Classe Trabalhadora
Intervozes
Jornal Página 13
Juventude do PT
Juventude Revolução
Levante Popular da Juventude
MAB- Movimento dos Atingidos por Barragens
Marcha Mundial das Mulheres
Movimento JUNTOS!
MST- Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra
MTST- Movimento dos Trabalhadores Sem Teto
Nação Hip Hop Brasil
Sindicato dos Professores de Campinas (Sinpro)
Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo
UBM- União Brasileira de Mulheres
UJS- União da Juventude Socialista
UNE- União Nacional dos Estudantes
Uneafro-Brasil
Vermelho
*Para aderir ao manifesto, envie o nome da sua entidade paracontato@baraodeitarare.org.br
PS do Viomundo: Há atos organizados em várias outras cidades.

O LOBISTA E O FANFARRÃO

Ricardo Paulo Moreira, militante

Extraído da página do grupo Nossa Taubaté (Blog do Irani), no Facebook

Não foi o reino da fantasia que sustentamos que inventou a corrupção. O reino,  o reizinho e parte dos lordes apenas aperfeiçoaram a prática. O fanfarrão das alterosas estava num magnífico jantar de 400 talheres promovido por um conhecido lobista da capital de todos os reinos. No meio da festa, na pérgula da enorme piscina, escutou na mesa ao lado um dos convidados já quatro ou cinco uísques acima do nível do rio Paraitinga em época de enchente, perguntar para o dono da enorme e fantástica mansão:

- Que ninguém nos ouça, mas como é que você conseguiu tudo isso? Até heliporto você tem aqui...

- Cá pra nós - sussurrou o lobista milionário - você sabe o que é imobilidade urbana? Sim, claro. Está esta quase pronto o projeto...

- Pois é, o orçamento é de R$ 400 milhões.

 Razoável...

- Mas, a obra vai custar mesmo R$ 100 milhões...

O silêncio que se seguiu era apenas a comprovação de que já tinham começado a falar a mesma língua. O dono da mansão quis também saber um pouco da vida do conviva, um fanfarrão metido a milionário, querendo nadar nos oceanos das licitações grandiosas.

- E você, como é que conseguiu um patrimônio que tem pelo menos 14, 15 mansões iguais a esta e vários condomínios residenciais sempre nos melhores pontos do reino?

- É simples. Venha comigo até o mezanino...

Foram. De lá, à beira de seus uísques, vislumbraram o reino por inteiro. Uma vista deslumbrante...

- Você está vendo aquelas estradas novas, ruas asfaltadas, desapropriações de áreas permanentes que vão deixar muito dono de novas terras de sorriso de orelha a orelha?
- Não.

- Pois bem , esta presepada toda foi aprovada por mim, mereço ou não mereço ser feliz com o dinheiro dos trouxas, nada mais disse nem lhe foi perguntado.

sexta-feira, 24 de abril de 2015

JEFERSON, POR QUE VOCÊ É
CONTRA GREVE DE SERVIDOR?

O vereador Jeferson Campos (PV) marcou para hoje, às 19 horas, audiência pública na Câmara Municipal para desmascarar o “blogueiro mentiroso”, que o parlamentar classifica também de “pau mandado”.

Como afirmou da tribuna da câmara que “não tem medo do debate” e por me sentir atingido pelo discurso de Jeferson Campo, quero ter o direito de me manifestar na audiência pública, à qual comparecerei, sem sobra de dúvida.

Antes, quero deixar um recado para os servidores e professores municipais: Quando presidiu a Câmara Municipal, em 2011, Jeferson Campos promulgou a Emenda nº 60, que extinguiu o direito de greve do servidor municipal.

Subseção IX
Do Direito de Greve
Art. 100. É assegurado o direito de greve, que será exercido nos termos definidos em lei federal. (revogada pela Emenda nº 60, de 5 de dezembro de 2011)

O prefeito Ortiz Junior  (PSDB) e sua competente assessoria jurídica devem ter tomado por base a modificação da LOM patrocinada por Jeferson Campos para abrir sindicância contra professores municipais por incitação à greve.

Taubaté deve ser a única cidade do Brasil na qual servidor público é proibido por lei de fazer grave.

Além de precisar de muita lábia para justificar aos servidores e professores da rede pública municipal por que retira o direito à livre negociação salarial da categoria com a Prefeitura prevista no art. 140 da lei complementar nº 1, de 1990, consagrada em todas as leis orgânicas municipais, o vereador terá que explicar a retirada do § 7º do artigo 90 da LOM, que trata do reajuste salarial dos servidores municipais e sua irredutibilidade. Veja: § 7º Os vencimentos são irredutíveis. (revogada pela Emenda nº 60, de 5 de dezembro de 2011).

Ao retirar do texto da lei orgânica a palavra “irredutíveis”, Jeferson Campos dá a possibilidade de qualquer prefeito reduzir os salários dos servidores.

Como se isso fosse pouco, veja o que Jeferson Campos fez com o direito de o servidor municipal, que teve a capacidade reduzida em decorrência de acidente de trabalho: simplesmente baniu o art. 99 da LOM, dando margem a qualquer prefeito de fazer o que bem entender com o funcionário acidentado.

Art. 99. Ao servidor público municipal que tiver sua capacidade de trabalho reduzida em decorrência de acidente de trabalho ou doença do trabalho, será garantida a transferência para locais ou atividades compatíveis com a sua situação. (revogada pela Emenda nº 60, de 5 de dezembro de 2011).

Começo a acreditar que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha tem como inspirador o vereador Jeferson Campos no quesito retirar direitos dos trabalhadores.

BLOG DO CATALDI - 24/04/15


SEXTA-FEIRA, 24 DE ABRIL DE 2015

O DIA NA HISTÓRIA

SEXTA–FEIRA, 24 de abril. Faltam 251 dias para o fim do ano. 469 para as Olimpíadas do Rio. 67 para a chegada do inverno. Dia Mundial do Jovem Trabalhador. Aniversário de José Ribamar da Costa – o popular Sarney (1930). Inauguração do Aeroporto de Congonhas (1936).

AMANHÃ FOI ASSIM

SÁBADO, 25 de abril. Dia do Contabilista. Aniversário do ator Al Pacino (1940). Revolução dos Cravos põem fim à ditadura portuguesa (1974).

DOMINGO, 26 de abril. Dia do Engraxate e do Goleiro. Data da emancipação do município de Monteiro Lobato (1880). Aniversário da TV Globo (1965). Acidente Nuclear em Chernobil, com 31 mortes (1984). Prisão de Diego Maradona com drogas (1991).

PRO VALE

DENÚNCIA - Se você compra 40 litros de gasolina, e, a mistura com etanol é de 25%, então você compra, sem querer, 10 litros de etanol ao mesmo preço da gasolina. Faça as contas: 40 litros de gasolina a R$ 3,25 = R$ 130,00, representam 30 litros de gasolina por R$ 97,50 e 10 litros de etanol por R$ 32,50. Você paga R$ 3,25 por litro do etanol que não pediu, e, na bomba ao lado, o etanol custa R$ 1,90. Por 10 litros, você pagaria R$ 19,00 e não R$ 32,50, portanto R$ 13,50 a mais... Não somos trouxas. Dilma nos faz de trouxas...

DEU NA FOLHA – a cúpula do PT teme que investigações da Lava Jato acabem por "inviabilizar'' o partido e até  levar à cassação do registro da legenda, sujeita a multa de ''valor astronômico'' a ser estipulada pelas instâncias judiciais.

TRENSALÃO – O Tribunal de Justiça aceitou denúncia do MP. Abriu Ação Civil Pública contra 11 empresas acusadas de cartel para obtenção de contratos com a CPTM. A estatal paulista também é ré no processo, que diz respeito ao período em que governaram o Estado de São Paulo: Geraldo Alckmin e Cláudio Lembo.

ALIÁS - Citando Paulo Henrique Amorim, Irani lima publicou em seu blog: “empresas do "trensalão" doaram R$ 12 milhões a Alckmin em 2014”... Verdade?

NOITE DE GALA – Acontece na Academia Pindamonhangabense de Letras, o lançamento do livro “Revolução Política: História e Novo Sistema de Governo”, do acadêmico João Simões; cuja leitura recomendo. Na mesma noite de gala, nesta sexta, 24 de Abril, às 20h00, haverá apresentação musical pelos Alunos da FASC; Performance Poética em homenagem a Mazzaropi, pela acadêmica Rhosana Dalle;  “Caminhada Literária”, pela acadêmica Elaine Santos, em parceria com Renata Bondioli e alunos da EE Profª Ismênia Monteiro de Oliveira; Homenagem ao Professor Manoel Cesar Ribeiro, pela acadêmica Suzana Ribeiro; Conferência “O ‘Não Fazer Nada’ dos Villas Boas”, pelo acadêmico Luiz Salgado Ribeiro. O evento acontece nas dependências do Museu Histórico e Pedagógico D.Pedro I e Dona Leopoldina, em Pinda, é claro...

BELA FORMATURA – Fui à formatura pelo “Dia do Exército”, no 2º BEC. Ouvi comentários sobre a vibração da tropa. Impecável! Mas também ouvi gente perguntando quem era o sujeito de calça jeans desbotada, blazer em desalinho, sem gravata... Ao lado, o Comandante, vestia farda de gala, luvas e espada reluzente... Contraste! Sem comentários...
ABANDONO – Vito Ardito abortou a reforma da Quadra Coberta. Seria por ter o nome do Pai do ex-prefeito João Ribeiro? A revolta da população bomba na rede...

SINAL DOS TEMPOS – Progresso chegando a Pindamonhangaba. Tempos outros. Abandono total. Pedintes por todo lado, alguns drogados nos sinais. Grande variedade: malabaristas, cuspidores de fogo, engolidores de espadas, dançarinos... Dizem que até uma velhota vendendo panelas feitas nos presídios da periferia já foi vista... Cadê a promoção social? Pra que a estrutura milionária: carros, aspones e etc? Na Praça Monsenhor Marcondes esvaziou-se o lago. Talvez para impedir que a vagabundagem se banhasse lá. Inclusive, circula na internet o vídeo de uma mendiga pelada, com o título “Sereia de Pinda”. Só falta sair no Fantástico, para o Brasil e o Mundo. Aliás, a Globo Internacional já nos brindou com os “Caroneiros da Câmara”... E vem mais chumbo de lá! Aguardem...

TERROR – Moradores do Maricá, Leitores da Coluna, pedem providencias, contra o abandono de um terreno na Rua Kaema 114. Casas vizinhas são atacadas por escorpiões, aranhas, cobras e ratos procedentes de lá. Estou pedindo providências ao eficiente Ouvidor Jairão, em nome deles. Mas, será bom que os interessados preencham formulário na prefeitura, pedindo que a “Postura Municipal” localize e intime o proprietário. E, em caso de recalcitrância, promova a limpeza e aplique multa.

RECEITA DE SUCESSO – Circula pela internet uma fórmula à base de cravo da índia, óleo de amêndoa, ou similar; e álcool, para espantar mosquitos da dengue. Faço isso. Aprendi quando morei no Pantanal, dirigindo afiliadas da Globo em Corumbá e Aquidauana – Mato Grosso do Sul. Também é muito bom, mediante consulta médica, o uso de Complexo ‘B’. A sudorese provocada pelo medicamento espanta os mosquitos. Tomava Complexo ‘B’ e ia pescar no rio Paraguai. Os mosquitos não chegavam perto de mim. Meus acompanhantes ficavam cobertos...

INELEGIBILIDADE - O processo nº 68579.2012.626.0090, em grau de recurso no TSE, precisa estar resolvido o quanto ante, para assegurar elegibilidades. Está com o ministro Luiz Fux desde 29/11/2014 as 16:45. Processos na justiça eleitoral, normalmente, não demoram tanto. Será que está difícil julgar?

PALAVRAS SÁBIAS - Ditas com propriedade na despedida ao teólogo guineense Mateus Selo: "Não podemos colocar interrogação onde Deus decidiu pôr um PONTO FINAL". Tomara que acalente corações. Da viúva e sobretudo filhas: Priscila (7) e Gemine (3). Selo terminava o Mackensie. Era esperança de evangelização do Povo de seu País, ao qual não retornou.

José Carlos Cataldi é jornalista, radialista e advogado. Foi fundador da CBN e consultor jurídico da Rádio Justiça do Supremo Tribunal Federal. É detentor da Ordem do Mérito Judiciário – grau de comendador; Atuou nas Empresas Globo, Radiobrás (Presidência da República); TV Rio/Record; Redes Manchete e Brasil de Televisão; foi 4 vezes Conselheiro Federal e Presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB. e-mail: josecarloscataldi@hotmail.coBlog:http://pensandovoce.blogspot.com