Páginas

sábado, 28 de março de 2015

SAUD AFIRMA QUE EMPRESTOU
DE GRAÇA SALA PARA PREFEITURA.
ENTÃO, QUEM RECEBEU?

O empresário José Antonio Saud Jr é um homem respeitabilíssimo na sociedade taubateana, quer nos meios políticos e culturais, quer no meio empresarial.

Desde que foi guindado à condição de secretário de Cultura da atual administração, da qual se demitiu posteriormente, tornou-se homem público, tanto que seu nome é citado nos meios políticos da cidade como o possível substituto da atual secretária da Educação, Edna Chamon.

O próprio empresário manda-me, pelo Facebook, um pedido de “ratificação” da informação divulgada pelo blog sobre a utilização da sala do hotel na manhã deste sábado (28), pelos diretores da rede municipal de ensino para um programa que os professores chamam de “reciclagem”.

Não tenho motivo nenhum para duvidar do empresário José Antonio Saud Jr, mas não posso deixar de perguntar:

Se ele afirma que não recebeu pela cessão da sala do apart-hotel Olavo Bilac, então, quem recebeu?

Copiei ipsis litteris o edital da Prefeitura publicado no diário oficial do município em 26 de março de 2015, na última quarta-feira, portanto.

PROCESSO Nº 15.5681/15
PREGÃO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 402/14
DESPACHO: Adjudico contratação de hotel constante do presente processo, a favor da firma APART-HOTEL OLAVO BILAC LTDA – ME., no valor de R$ 5.481,60 (cinco mil quatrocentos e oitenta e um reais e sessenta centavos).
G.P., aos 23/03/15
JOSÉ BERNARDO ORTIZ MONTEIRO JÚNIOR
PREFEITO MUNICIPAL

Aqui o diálogo mantido com o empresário, via Facebook, na noite de sexta-feira (quando eu estava fora de minha casa) e outro às 6h30 da manhã desse sábado, no qual o empresário cobra a tal “ratificação”.

Saud - Irani eu não cobrei nenhum centavo pela sala

Peço que seja uma pessoa grande, um repórter de qualidade e ratifique sua informação.

Eu - Quando chegar em casa faço a "ratificação" que me pede.

Saud - Obrigado

Saud - Irani só para informar, quando nossa sala esta sem uso empresto para pessoas amigas, que tragam assuntos políticos (de qualquer partido), culturais, educacionais e ate para as reuniões dos lojistas, como fiz na terça feira e ia fazer para a AMATAU, através do Ricardo.

Saud - Irani por favor diga o porque vejo minha foto em quase todos as tuas postagens?

Saud - Gostaria que você tirasse minha imagem destas publicações.

Saud - Irani são 6:30 da manhã do outro dia e ainda está no blog. Dormi muito mal pelas denúncias infundadas, até parece informação maldosa, pois qualquer um mesmo que não fosse jornalista poderia ter ligado no hotel e perguntado para qualquer funcionário! Estou chateado e com muita vergonha do meu nome e do nosso hotel estar sendo usado dessa maneira irresponsável. Tirei foto e salvei tudo. Inclusive das minhas fotos no face, ligando-a qualquer assunto. Mais uma vez venho pedir que retire do ar tudo que está fazendo com minha imagem e do hotel.

sexta-feira, 27 de março de 2015

ORTIZ JR ALUGA HOTEL POR R$ 5,4 MIL
PARA RECICLAR DIRETORES EM 4 HORAS

Neste sábado (28), os professores da rede municipal de ensino farão seu dia de reciclagem, o segundo do ano, estrategicamente divididos em dois grupos como forma de evitar protestos da categoria por melhores salários.


Este ano, como os professores ainda se recordam, a reciclagem foi feita no Sedes, com a presença de todos os diretores, supervisores e professor"es da rede municipal de ensino.

A segunda reciclagem do ano terá uma parte dos professores no Sedes e outra na escola municipal José Ezequiel Pedroso.

Assim, divididos, os professores não poderão se manifestar durante a reciclagem, tanto que a próxima reunião pública da categoria será realizada somente no dia 11 de abril, um sábado, porque o feriado da Semana Santa atrapalhará a mobilização da categoria.

Os diretores estarão reunidos no apart-hotel Olavo Bilac, cujo salão foi alugado pela Prefeitura por R$ 5.481,60 para um evento que deve ocorrer entre 8 horas e meio dia.

Ou seja, o aluguel custará aos cofres públicos exatos R$ 1.370,40 por hora.

José Antonio Saud Junior é o dono do Olavo Bilac. Já foi secretário de Cultura de Ortiz Junior e tem seu nome citado como um possível secretário de Educação em lugar de Edna Chamon.

Não sou corretor e não sei avaliar o valor do aluguel, mas que está muito caro não resta a menor dúvida.

ALMOÇO CULTURAL EM SILVEIRAS
AJUDA TV CIDADE A SE REERGUER

Todo taubateano de verdade tem um compromisso com a TV Cidade, que sofreu um prejuízo de cerca de R$ 400 mil em virtude do roubo de equipamentos e um incêndio provocado em dezembro do ano passado.

Os valentes Jefferson Mello e Cláudia Mello não desistiram das luta. A TV está no ar, em caráter precário (sem estúdio),  com o sacrifício pessoal da dupla e a ajuda de amigos.

Apesar da tragédia que se abateu sobre a emissora comunitária, patrimônio de todos os taubateanos, a TV Cidade tem promovido uma série de atividades culturais, para angariar recursos e adquirir novos equipamentos.

Agora chegou a nossa vez de colaborar efetivamente com a TV Cidade.

Silveiras: palco da revolução liberal de 1842, quando o Brasil tinha apenas
20 anos de independência, e um dos palcos da revolução
constitucionalista de 1932
Neste sábado (28), haverá almoço cultural em Silveira, um bucólico município que foi rota dos exploradores portugueses que vinham das minas gerais em direção ao Rio de Janeiro.

Ocílio Ferraz, um dos principais historiadores do Vale do Paraíba e militante cultural, abre seu restaurante para servir frango com “ora pro nobis”, um planta típica da região.

O anfitrião promete receber os visitantes com roupas típicas do período imperial brasileiro e esquetes com atores interpretando os visitantes portugueses que por lá passavam no século XIX.

Valerá a pena visitar Silveiras neste sábado para conhecer um pouco mais a historia do Vale do Paraíba contada por quem entende do assunto.

De quebra, você ajuda a TV Cidade a se reerguer.

COMO CHEGAR?

Pela Dutra, em direção ao Rio de Janeiro, siga até a entrada para a cidade de Cruzeiro. A partir daí siga as placas: Silveiras estará a menos de 10 quilômetros de distância.

PREÇO

R$ 50,00 por cabeça.
R$ 25,00 para quem quiser ir de ônibus, que sairá de frente da TV Cidade.
TV CIDADE

Rua Irmã Henriqueta,136.

Há dois caminhos:
- para quem estiver na Faria Lima, em direção à rodoviária nova, basta entrar à direita, na altura da Lanchonete do Marcão.

- quem vier pela marginal da Dutra, assim que passar em frente ao supermercado Shibata entre à esquerda, pois o sentido é obrfigatório. A TV Cidade fica a menos de 20 metros da esquina.

Que tal passar um sábado diferente? Ligue para 3624-8656 e faça sua reserva.

UM A MENOS

Silvio Prado, professor

O irmão mais velho, beirando os dezessete, foi novamente recolhido à Fundação Casa. Dessa vez, por invasão de domicilio, roubo. Da outra, foi por um roubo à mão armada e tentativa de homicídio. O adolescente é violento e todo cuidado com ele é pouco. Dizem que a polícia já o jurou de morte, tantas ele aprontou. Basta completar dezoito, e ele vai sumir do mapa na primeira ocorrência em que for protagonista, sendo grave ou não. Uma tranqueira. Irrecuperável, diz um policial civil.

Mas o irmão mais velho tem por quem puxar: o pai. Agora, depois de encarar uma cana que passou dos cinco anos, o pai do adolescente perigoso já anda novamente pelo bairro. Conversa com um e outro, toma cerveja diariamente na padaria da esquina, acompanha o time do Ferroviário nos jogos da várzea, não dispensa a gritaria do truco. A todo mundo diz agora que é outro homem, nova pessoa, faltando apenas arrumar emprego fixo e renda definida.

Claro, ninguém acredita. O passado da figura não recomenda crença em quaisquer de suas palavras. Sua última cana, entre outras coisas, veio do fato de ter tentado, por apenas mil reais, apagar com dois tiros um motoboy que abusou da confiança do patrão dando sumiço numa grana preta que, disse o motoboy, foi levada por dois encapuzados que cruzaram seu caminho. Uma história muito confusa.

Suspeitas de assassinatos recaem sobre esse ex-detento cheio de conversa mole. Contrariando o que vem dizendo ultimamente, na primeira semana em que esteve fora da prisão já andou descendo o braço na mulher, uma infeliz que se resignou a viver sob o risco de um filho declaradamente bandido e um marido, matador de fama, oficialmente responsável por duas mortes e sob suspeita de outras ocorridas numa cidade que todo mundo acha pacífica e boa de viver.

Portanto, o filho caçula da mulher infeliz, irmão do adolescente recolhido na Fundação Casa e filho preferido do “matador profissional” é que agora, diante do Coordenador Pedagógico, nega por todos os demônios que tem no corpo que não foi ele quem arrombou e levou coisas do carro de um velho professor, estacionado no pátio de uma das escolas da região.

A Ronda Escolar foi acionada, mas ainda não chegou. O mesmo acontece com o Conselho Tutelar. Apesar de todas as evidências que incriminam o adolescente, a direção teme chamar por seu pai.

A diretora e o coordenador conduzem o professor para outra sala, discutem com ele se vale a pena ou não levar o caso em frente. Tenso, o professor diz que sim. A diretora, preocupada, esfrega as mãos e sai andando pela sala repetindo “pensa bem professor, pensa bem.”

“É um direito seu denunciar o menino”, reforça o coordenador, seguindo o mesmo raciocínio da diretora e quase repetindo o mesmo gesto e percurso. “Mas pense nas consequências, professor. Nas consequências. Pense”.

Meia hora depois, chegou a Ronda Escolar e um par de policiais lamentando por tantas ocorrências num dia só. A diretora os recebe com um sorriso burocrático. “Não foi nada, tá tudo resolvido”, diz, e serve a eles um cafezinho feito quase naquela hora.

Quase ao lado, o professor que teve o carro arrombado e roubado faz as contas, calcula o prejuízo e desiste de ir para a sala de aula. Cadernetas e livros, sob palavrões raivosos, ele acaba de atirar no fundo da parte lhe cabe no imenso armário da sala dos professores. Agora, celular em punho, se dispõe a acionar o seguro e não deixar barato. E as consequências? Foda-se tudo, grita ele.

Então, em pouquíssimo tempo, mais forte do que nunca brota, cresce e vai se definindo e parecendo inevitável na cabeça do professor a ideia de exoneração.

BLOG DO CATALDI - 27/03/15


SEXTA-FEIRA, 27 DE MARÇO DE 2015

O DIA NA HISTÓRIA

SEXTA-FEIRA, 27 de março. Faltam 279 dias para o fim do ano. 497 para as Olimpíadas do Rio. 95 para a chegada do inverno. Dia do Circo e do Teatro. Término da guerra civil espanhola (1939). Aniversário de Maria das Graças Meneghel, a apresentadora Xuxa (1963). Morte do primeiro homem a fazer uma viagem espacial, Yuri Gagarin (1968); e do ator Felipe Carone (1995).

SÁBADO, 28.03.15. Dia do Diagramador e do Revisor. Reunião dos Generais Odilo Diniz e Mourão Filho com o governador de Minas, Magalhães Pinto, em Juiz de Fora, para acertar a deposição de João Goulart, que se daria 3 dias depois (1964). Morte do estudante Edson Luís, em protesto depois de sair do restaurante Calabouço, no Rio de Janeiro. Eu estava lá (1968). Morte do Presidente norte-americano e ex-comandante na segunda guerra mundial Dwight Eisenhower (1969). Beatificação do Padre José de Anchieta pelo Papa João Paulo II. Morte do criminalista Antonio Evaristo de Moraes Filho (1997).

DOMINGO, 29 de março. Fundação de Salvador, a primeira cidade do Brasil (1549) e de Curitiba (1693). Aniversário do ator global Lima Duarte (1930). Vitória de Nelson Piquet – o Pai – no Grande Prêmio Brasil de fórmula Um, disputado no Rio de Janeiro (1981). Morte do cantor Jessé (1993)

PROVALE

INSINCERIDADE – O suplício de Marta Suplicy com o fardo petista nas costas, esta prestes a terminar. Fala mal do PT. Mas, no fundo, quer mesmo a legenda do PSB para derrubar Haddad na próxima eleição. Lembra o Evangelho de Lucas (10:41-42) quando Jesus disse: “Marta! Marta! Você está preocupada e inquieta com muitas coisas; todavia apenas uma é necessária...”. O amigo Nagi Nahas que o diga... Fala sério!

VERGONHA – Delatores denunciam que Dirceu tirava o dele da propina destinada ao PT. De novo? Outra vez? Agora pode ficar livre de todas as penas. Afinal, como dizem, terá cem anos de perdão...

LAMBANÇA – Deu no JB - “A Justiça aceitou ação civil pública do MP paulista sobre cartel em contratos da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) envolvendo 11 empresas privadas. Na ação, proposta em 4 de dezembro os promotores pedem a anulação de três contratos firmados no período de 2002 a 2007, a dissolução de dez das 11 empresas que constam no processo (Siemens, a Alstom, a CAFa TTrans, a Bombardier, a MGE-Manutenção de Motores e Geradores Elétricos, a Mitsui, a Temoinsa, a Tejofran e a MPE – Montagens e Projetos Especiais), o ressarcimento dos valores firmados e indenização por dano moral coletivo. Somados chegam a R$ 418 milhões...”.

ENFIM - Buritizal, Caiabu, Cássia dos Coqueiros, Ibirarema, Jeriquara, Nova Castilho e Ribeirão Corrente, cidades do interior paulista, são ilhas em meio à infestação da dengue no Estado de São Paulo. Nestes 7 municípios não existe o transmissor contaminado... O governador quer autorização da ANVISA para ampliar testes da vacina produzida pelo Instituto Butantã em humanos.

MALUQUICE – Só quem tem titica na cuca pode achar e tentar convencer alguém, de que o Rio de Janeiro usa água limpa para lavar esgoto. Só se for para limpar a cabeça de camarão do denunciante, interessado em estimular fratricídio.

TRAGÉDIA – Se você não está satisfeito com a administração de Vito Ardito Lerário saiba que a situação ainda pode piorar... (pode parecer impossível, mas vejam...)

OPOSIÇÃO – Fernando Frangão anuncia chapa de oposição pelo PP à prefeitura. Diz que tem apoio de Paulo Salim Maluf. Não se trata de primeiro de abril antecipado, gente! Ele já esta nas ruas dizendo isso, em busca de correligionários e caçadores de votos. Jornada árdua já que até aqui não conseguiu mais de 600 eleitores nas várias tentativas para vereador...

ATENTO – Se Torino não tomar cuidado e embarcar de novo em provocações de candidaturas menores, perde a eleição outra vez. Há algo no ar além dos aviões de carreira. Apesar do peso de suas propostas e da maturidade e prestígio de seu vice. Ao que se cogita, João Bosco Nogueira. Há quem diga que Bosco será o candidato...

APOSTA – Apesar do convite formal, este colunista não crê que o prefeito Lerário vá à Câmara de Pinda participar do debate sobre a importância do rebaixamento da linha férrea para a mobilidade urbana (andou engasgando no Rádio 4ª feira). A audiência pública, convocada pelo vereador Oswaldo Negrão esta confirmada para 1º de abril, às 19 horas.

DESAFIO – Este Colunista continua desafiando um vereador de coragem, que abra a caixa preta do velório municipal. Dona Telma, da Funerária Santo Expedito quer falar em audiência publica sobre a exploração comercial do espaço em que já se paga entre 300 e 600 reais pelo uso da sala fúnebre por pouquíssimas horas. Mais que o aluguel mensal de um Apê... O jurista Paulo de Andrade revelou a este Colunista que construiu o velório municipal com recursos da prefeitura no governo Geraldinho... E agora: o velório é publico ou privado?

ESPERANÇA – O jornal virtual “São José dos Campos Diário” acompanha par e passo o desdobramento da negociação para que o Aeroporto de lá volte a operar. O prefeito Carlinhos de Almeida (PT) volta de Brasília com a bagagem cheia de esperança de que a TAM passe a atuar no terminal já em meados do ano. A Azul encerrou atividades. Considerou as linhas para São José sem resposta comercial.

NOITE DE GALA – A Academia Pindamonhangabense de Letras realiza, nesta sexta feira (27), Sessão Solene para empossar como titular da cadeira 25, patronímica de Antonio Pinheiro Junior, o acadêmico Sebastião Nelson da Cruz. A programação inclui a apresentação musical de alunos da FASC; homenagem às mulheres e à poesia, por alunos da Liga da Leitura do Colégio Emilio Ribas – Anglo Pinda; homenagem ao radialista Jota Marcondes; conferência do acadêmico Fábio Pereira Mendes sobre “Caravaggio, o Mestre da Realidade e das Sombras”; e, ainda, noite de autógrafos de Erika Araújo, lançando o livro “Águas de Março”. O espaço do Museu Histórico e Pedagógico D. Pedro I e Dona Leopoldina, reservado para os eventos a partir das 20 horas, certamente será pequeno.

Será em Aparecida, de 15 a 24 de abril, a 53ª reunião da CNBB

José Carlos Cataldi é jornalista, radialista e advogado. Foi fundador da CBN e consultor jurídico da Rádio Justiça do Supremo Tribunal Federal. É detentor da Ordem do Mérito Judiciário – grau de comendador; Atuou nas Empresas Globo, Radiobrás (Presidência da República); TV Rio/Record; Redes Manchete e Brasil de Televisão; foi 4 vezes Conselheiro Federal e Presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB. e-mail: josecarloscataldi@hotmail.coBlog:http://pensandovoce.blogspot.com.