Páginas

quarta-feira, 29 de junho de 2011

PF NÃO INVESTIGA VEREADOR ARY FILHO

Divulguei na postagem POLLYANA AINDA NÃO TEM PARECER SOBRE AFASTAMENTO DO PREFEITO CANASTRÃO, decisão do desembargador federal Mairan Maia, sobre pedido de prisão do (ex?) prefeito Roberto Peixoto, da primeira-dama Luciana Peixoto e de busca e apreensão em vários locais em Taubaté.

O nome do vereador Ary Kara José Filho (PTB) aparece na primeira página da decisão do desembargador, ao lado do “laranja” Carlos Eduardo Touso, do contador Carlos Anderson e do ex-dono da Home Care, Renato Pereira Junior.

Por uma questão de justiça, devo salientar que o nome do vereador Ary Kara José Filho só aparece na primeira página do documento.

Por ser importante para o taubateano entender o momento político que a cidade atravessa, li a peça pelo menos duas vezes antes de publicá-la e o nome do vereador Ary Kara José Filho aparece apenas na primeira página.

Quero ressaltar que recebi o documento no formato PDF (Portable Document Format), o que impossibilita seu manuseio e/ou edição. O documento, com vinte e quatro páginas, foi publicado na íntegra.

Faço este reparo, repito, por questão de justiça e a bem da verdade. Uma leitura apressada do documento dá a entender que Ary Kara José Filho está envolvido com as investigações que a Polícia Federal desenvolve em Taubaté acerca da ACERT e da Home Care.

Até prova em contrário, o nome do vereador Ary Kara José Filho pode ter sido envolvido involuntariamente nesta decisão da Justiça Federal, o que não impede que ele possa aparecer em outras.