Páginas

domingo, 28 de agosto de 2011

CHICO SAAD, NA CAPA DO CONTATO, PROVA QUE É NOSSO INIMIGO DE VERDADE

Por que o vereador Chico $aad (PMDB) é tão enfático na defe$a do prefeito canastrão e da renovação do contrato com a $abesp? Por que um homem se expõe publicamente, talvez para vergonha de seus familiares, em defe$a do indefen$ável? Tudo bem, eu $ei que vocês $abem, mas sou homem curio$o e adoro fazer pergunta$.

PERNÓSTICO
Chico Saad, o amigo de verdade da Sabesp
Chico Saad, o “inimigo de verdade”, tem participado de reuniões em diversos bairros da cidade para mostrar aos taubateanos que a renovação do contrato com a Sabesp é vantajo$o para Taubaté. O vereador pernóstico, em uma destas reuniões, foi desmentido pelos colegas Digão (PSDB) e Graça (PSB).

INTRUJÃO
O “inimigo de verdade” não passa de um intrujão. Escamoteia números e fala como se soubesse do que está falando. Falastrão como seu chefe, Chico arrota sabedoria. Os incautos até crêem em sua verborragia, pois desconhecem os números que o vereador canastrão expõe como se conhecesse profundamente o que está afirmando.

JOINVILLE
Para os amigos entenderem, o taubateano Henrique Chiste, radicado há muitos anos em Joinville, no estado de Santa Catarina, foi o primeiro presidente da companhia de distribuição de água municipal de lá. A “Sabesp” de Santa Catarina não teve renovado o contrato para o fornecimento de água de Joinville.

EMPRESA
Para suprir as necessidades de uma das mais progressistas cidades deste Brasil, o município de Joinville criou a empresa municipal Águas de Joinville – Companhia de Saneamento Básico, cujo primeiro presidente foi o taubateano, com muito orgulho para nós, Henrique Chiste.

LUCRO
Troquei alguns mails com taubateano Chiste. Ele me falou da criação da empresa, da qual foi um dos principais articuladores, do empréstimo obtido para aplicar no saneamento do município e que ao deixar a presidência da Águas de Joinville (http://www.aguasdejoinville.com.br), a entregou com dinheiro em caixa, ou seja, a empresa dava lucro e podia expandir o saneamento do município sem depender da “Sabesp” deles.

TEMERIDADE
As contas apresentadas por Chico Saad para justificar a pressa em renovar com a Sabesp por mais trinta anos são estranhíssimas. Onde eles arrumaram aqueles valores? De onde saíram os R$ 83 milhões? Por que a Sabesp vai perdoar uma “dívida” de R$ 23 milhões que o município teria com ela e vai renovar o contrato pagando R$ 60 milhões para Taubaté. Dinheiro na mão dessa gente é uma temeridade.

SUGESTÃO PARA A VEREADORA MARIA TERESA PAOLICCHI

Vereadora, a senhora que é dada a elaborar leis criando o dia disto, o dia daquilo, por que não elaborar um projeto de lei criando o Dia da Vergonha no Município de Taubaté. Sugiro mais: que a celebração seja feita todo dia 13 de agosto, com feriado municipal e tudo, para o taubateano não esquecer os seis vereadores que traíram a vontade popular e não cassaram o prefeito canastrão. Sei que a senhora foi contra a cassação. Como é apenas uma sugestão, vai que a senhora acate.