Páginas

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

RODSON LIMA SABE: "PASSARINHO QUE COME PEDRA SABE O CU QUE TEM"

Os puritanos e as carolas me desculpem, mas a palavra “cu” só ganhou o significado atual (ânus) em meados do século XIX ensina o professor Sacconi em seu Grande Dicionário Sacconi da Língua Portuguesa.

Cu significava nádegas e foi amplamente utilizada pelos intelectuais portugueses e pelos reis antes de ser tornada chula. Da mesma família são as palavras acuar, cueiro, culatra, cueca, culote, etc, que exprimimos sem o menor pejo.

Portanto, quem pratica um ato criminoso ou, jocosamente, como fez o vereador Rodson Lima (PP), provoca a ira popular, sabe que sofrerá represália, que vai de uma simples admoestação à pena mais severa.

A sabedoria popular cunhou a frase acima para significar que cada um é responsável pelos seus atos – pelo que diz, faz ou fala.

Há outras maravilhas da sabedoria popular (“em rio que tem piranha jacaré nada de costas” ou “passarinho que anda com morcego dorme de cabeça para baixo”). Todas elas se encaixam no perfil psicótico de Rodson Lima.

Em qualquer uma delas, a sandice do vereador poderá ter consequência graves. A população está se movimentando para pedir, via requerimento popular, que a Câmara Municipal abra procedimento para apurar uma possível quebra de decoro parlamentar praticada pelo vereador.

O deboche, a zombaria, a falta de comprometimento com a sociedade são marcas dos três mandatos de Rodson Lima que agora, com a ficha suja, condenado a três anos e quatro meses de prisão por crime de concussão, deve lançar seu filho, Rodson Lima Junior, candidato a vereador em 2012.

Independente do que possa acontecer, o aloprado vereador deixa claro que jamais respeitou a população de Taubaté. Hoje, Rodson Lima ri dos taubateanos, provavelmente salgando a bunda na praia de Atalaia, tudo pago “com dinheiro público”, como bravateou no Facebook.

Vereador Rodson Lima, aproveite para se divertir. Falta pouco mais de um ano para nos livrarmos de sua figura caricata perambulando na Câmara Municipal.

A partir de 1º de janeiro de 2013 “sua excelência” não terá sala com ar condicionado, três computadores, dois telefones celulares, dois veículos oficiais, motoristas e assessores dos quais “vossa excelência” costuma tirar parte dos salários, por isso o senhor foi condenado por concussão. Tudo "pago com dinheiro público".

Não me interessa sua vida de crápula, como não me interessa seus problemas particulares. Interessa-me o homem público Rodson Lima e sua vileza.

Pode ficar tranquilo vereador. O senhor terá que voltar a Taubaté e se apresentar na Câmara Municipal. Não se preocupe. Pode continuar zombando de nós no Facebook.

A mídia pretendida o senhor conseguiu. Saboreie seus quinze minutos de fama, aproveite as praias e a comida nordestinas, tudo pago com o nosso dinheiro.

Quando o senhor estiver com sua viola no mercado municipal, arrulhando para seus eleitores ao lado dos pombos que infestam aquele espaço, lembre-se que eles não comem pedra porque sabem o cu que tem.