Páginas

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

“EU REPRESENTO O PREFEITO” LADROU O PITBULL NO REGA-BOFE; E FOI TROCADO

Final de ano, sabemos, é festa para cá, confraternização para lá, jantares para a fina flor da sociedade e por aí vai. Quem pode, não perde uma boquinha destas. Afinal, não é todo dia que tem jantar de graça na cidade.

O ritual de fim de ano foi seguido à risca pela Associação dos Construtores, Imobiliárias e Serviços Correlatos de Taubaté, abreviado pela sigla ACIST.

A semana passada, mais precisamente quinta-feira (08/12), o órgão realizou seu jantar solene e convidou a classe política taubateana para o rega-bofe no Villa Bali.

O ex-deputado Ary Kara, coordenador regional do PMDB, levou consigo Adair Loredo, misto de secretário de Governo e diretor do EC Taubaté ao dito jantar.

O advogado de Ferraz Vasconcelos é o homem eleito pelo ex-deputado para disputar a sucessão municipal em Taubaté pelo PMDB.

Como comprovar a decisão de Ary Kara? Fácil. O prefeito canastrão anunciou pela Difusora, em entrevista ao repórter Rogério Veloso, que tinha pelo menos nove nomes de possíveis candidatos à sua sucessão.

Há um detalhe: Peixoto não combinou com Ary Kara que já tinha os nomes para escolher um que merecesse seu apoio (rsrs).

Citou os secretários Adair Loredo (Governo), Anthero Mendes Pereira (Assuntos Jurídicos), Pedro Henrique Silveira (Saúde), Edson Rovida (Obras), os diretores Geraldo Faria (Esporte), José Antonio Rodrigues Alves (desenvolvimento urbanístico), Chico Saad (vereador) e Rubens Fernandes, que um dia foi assessor de José Bernardo Ortiz na Prefeitura.

Ary Kara disse ao mesmo repórter Rogério Veloso que desconhecia a lista apresentada momentos antes pelo prefeito canastrão. O espaço entre uma entrevista e outra não foi maior que dois minutos.

O amigo internauta já percebeu que Peixoto é tão somente um zumbi na Prefeitura. Quem manda na administração municipal é Adair Loredo, diretamente influenciado pelo ex-deputado Ary Kara, que está fazendo tudo para popularizar o advogado de Ferras de Vasconcelos com vistas à sucessão municipal.

DIREITA, VOLVER! ORDINÁRIO, MARCHE!

Enquanto não encontra nada melhor para fazer pela segurança pública da cidade, o tenente Orlando (secretário municipal de segurança pública) leva a guarda municipal par a Praça Santa Teresinha para dar ordem unidade.

Isto mesmo: ordem unidade. Deve ser saudade de seus tempos de quartel.

A tropa deveria ser treinada para cuidar do patrimônio público da cidade, pois pela legislação não pode andar armada.

Prefeitura não é quartel e guarda municipal não é polícia militar.

Sabe por que o título desta postagem?

É que Monteclaro Cesar tem se notabilizado como o pitbull do prefeito canastrão em suas intervenções sobre o contrato com a Sabesp, seu depoimento na comissão processante afirmando que Peixoto era seu patrão, etc e tal.

Além de tudo é mal agradecido por que o patrão dele e do prefeito canastrão é a população de Taubaté.

Ary Kara se encarregou se encarregou de amarrar o pitbull num canto bem longe da mesa diretora do jantar da ACIST, onde ele se apresentou como representante do prefeito Roberto Peixoto.

O cerimonial teve que agir rápido e trocar a ficha de Monteclaro Cesar  pela de Adair Loredo, nomeado por Ary Kara para representar o prefeito canastrão.