Páginas

sexta-feira, 6 de abril de 2012

PEIXOTO FICA PENDURADO NA BROCHA COM SAÍDA DE ANTHERO DA PREFEITURA

O pedido de exoneração apresentado pelo secretário de Negócios Jurídicos Anthero Mendes Pereira ao prefeito Roberto Peixoto pode ser interpretado como uma vitória pessoal de Ary Kara sobre Luciana Peixoto.

Outra interpretação possível: o ex-secretário de Negócios Jurídicos da Prefeitura de Taubaté se rendeu a Ary Kara e pediu exoneração a tempo de se candidatar a vereador nas eleições municipais de outubro.

Adair Loredo é entrevistado na TV Câmara como pré-candidato do PMDB
Internamente, o secretário de Governo Adair Loredo leva a melhor sobre o queridinho de Luciana Peixoto e terá sua candidatura a prefeito confirmada na convenção do PMDB, entre 10 e 30 de junho.

Caso esteja apostando em sua indicação como candidato a prefeito pelo PMDB, Adair Loredo tem que se desligar da Prefeitura até o dia 6 de junho, quatro meses antes das eleições.

O que vem depois disso é outra conversa. Nesta conversa pode ser incluída a tão sonhada aliança PMDB-PV, admitida por Adair Loredo a este blog.

Diante do novo quadro eleitoral que se desenha com o pedido de exoneração de Anthero Mendes Pereira, a expulsão do prefeito Roberto Peixoto do PMDB não está descartada.

Falar em expulsão de Peixoto do PMDB não é um chute. A base deste comentário foi a entrevista concedida por Adair Loredo a este blog.

Na Quarta-feira de Cinzas deste ano Adair Loredo telefonou-me para dizer que brigaria por sua indicação para ser o candidato do PMDB com apoio de Ary Kara. A matéria foi publicada no dia 23 de fevereiro.

Naquela oportunidade, sem ser perguntado, disse espontaneamente que não estava sendo cogitada a expulsão de Peixoto.

A conclusão é obvia: o PMDB avalia se expulsa ou aguarda que Peixoto peça afastamento do partido para facilitar uma possível aliança com o PV, sem a sobra do prefeito canastrão.

Informações e contrainformações são comuns em períodos pré-eleitorais. Os boatos ganharam força nos últimos dias.

Em Taubaté elas ganham a dimensão de um tsunami dada às condições provocadas pelo pior prefeito da história desta urbe.

O fato é que o pedido de exoneração apresentado por Anthero Mendes Pereira deixa Peixoto com a brocha na mão e muda o rumo da boataria que cera o PMDB.

O PMDB vai esgarçado para as eleições municipais deste ano e deverá ser um mero coadjuvantes do PV.