Páginas

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

PINDA É PUJANTE GRAÇAS
À VISÃO DE JOÃO BOSCO

João Bosco não é candidato a prefeito der Pinda, mas foi, seguramente, o melhor de todos os prefeitos que a cidade já teve. Os números são indesmentíveis: mais de 80% do que a cidade arrecada em ICMS Pindamonhangaba deve às indústrias que João Bosco trouxe para a cidade nos anos 1970.

Estou recordando estes dados por que leio comentários neste blog que Vito Ardito foi o melhor prefeito der Pinda. Uma simples comparação das administrações de João Bosco e de Vito Ardito basta para verificarmos a distância que há entre as duas.

Não preciso recordar que Pindamonhangaba deve as instalações na cidade da Villares/Gerdau, Tenaris/Confab, Alcoa, Alcan, Coca-cola, Fruehauf, Sered e outras indústrias gigantescas, graças à visão de João Bosco.

É difícil para os adeptos de Vito Ardito aceitarem a realidade. São fatos históricos. As datas da instalação destas empresas em Pínda coincidem com a primeira administração de Bosco. Não há como desmentir.

Em seu primeiro mandato na Prefeitura de Pindamonhangaba (1989/1992), Vito Ardito não levou nenhuma indústria para a cidade. Basta verificar quais indústrias se instalaram na cidade na primeira administração de Vito Ardito (1989/1992).

Seu sucessor, Francisco de Assis Vieira – Chesco (1993/1996) levou mais indústrias para a cidade que Vito Ardito em seus mandatos seguintes (1997/2000 - 2001/2004). A Latasa,  responsável pela reciclagem de mais de 80% das latas de alumínio do Brasil, chegou em Pindamonhangaba trazida por Chesco.

Foi Chesco o criador do Distrito Industrial de Pindamonhangaba que, em boa hora, o vereador Abdala Salomão (PSDB) nomeou de Distrito Industrial Prefeito João Bosco Nogueira, numa justa homenagem a quem realmente fez a diferença em Pindamonhangaba.

Vito Ardito foi um péssimo prefeito para a cultura de Pindamonhangaba. Com ele, a centenária Corporação Musical Euterpe quase se extinguiu. A Dragões de Pindamonhangaba, uma das mais importantes bandas marciais do país ao lado da La Salle, de Aparecida, finou-se.

Os eleitores de Vito Ardito não devem mudar de voto, mas devem admitir que o tucano entregou a Prefeitura para João Ribeiro (PPS) em 2004 em frangalhos.

O PSF (Programa de Saúde da Família) estava fechado, pois Vito Ardito foi obrigado a demitir todos os funcionários do programa de saúde porque os mesmos não eram concursados.

As escolinhas de esporte da Prefeitura, que tiveram mais de 6 mil alunos sob a administração de João Bosco, foram reduzidas a quase zero. Restaram os praticantes de natação. Os alunos de vôlei, basquete, atletismo ficaram ao deus dará.

Nas eleições, os eleitores deveriam sopesar a herança deixada por João Bosco em duas administrações com a herança de Vito Ardito em três.

Quem fez o melhor para Pindamonhangaba?.