Páginas

sábado, 22 de setembro de 2012

TAUBATÉ COM MAIS 4 ANOS DE ATRASO?


Por Carlos Karnas – Jornalista e Escritor

Há políticos que, pelas suas manipulações, lhes convêm o obscuro e o escondido.
O ex-parlamentar Ary Kara é cacique político em Taubaté. Coordenador do PMDB foi articulador e artífice da candidatura de Isaac do Carmo (PT) para prefeito. Tanto um quanto outro estiveram lado a lado e apoiaram ferrenhamente Roberto Peixoto, o atual prefeito. Peixoto se revelou o mais corrupto, incompetente e imoral prefeito da história de Taubaté. Todas as pesquisas demonstram esse fato.

Ary Kara age nas sombras. Seu índice de rejeição em Taubaté é impressionante e o ex-parlamentar hoje não consegue mais sustentar determinado carisma que foi seu trunfo nos seus tempos de glória. A campanha de Isaac do Carmo está intimamente atrelada a Ary Kara, que ainda continua fazendo política com maneirismos e criação de fatos pouco indigestos, talvez escusos. Portanto, não convém ao PT e ao PMDB tamanha identificação entre Ary Kara e Isaac do Carmo. Eles integram partidos que deram sustentação permanente a Roberto Peixoto - o prefeito corrupto e detido pela Polícia Federal, incriminado pelo Ministério Público de crimes de malversação de verbas públicas e formação de quadrilha.

O PMDB e o PT foram partidos que, em agosto do ano passado, blindaram o atual prefeito e aliciaram vereadores para a não cassação de Roberto Peixoto. Conseguiram. A população taubateana ficou e está indignada e ainda sofre as consequências de uma administração municipal desastrada e indigesta, bem como do ato político que poderia ter dado dignidade à cidade, com a cassação de Peixoto. Isso não aconteceu. O próprio PMDB e o PT desqualificaram e não apoiaram a vice-prefeita petista como alternativa para assumir a prefeitura no caso da cassação do prefeito Roberto Peixoto. Todos esses fatos colocam o político Ary Kara numa situação desconfortável e indigesta. Por isso, não convém a Isaac do Carmo, neste momento da campanha, expor seu criador e apoiador Ary Kara.

Isaac do Carmo foge responder a perguntas para as quais não pode dar respostas honestas. Foi o que aconteceu no último debate entre candidatos, promovido pela TV Câmara de Taubaté, esta semana. Mário Ortiz, o independente candidato da coligação Muda Taubaté foi o único com coragem e determinação a expor essa mazela política que envolve Isaac do Carmo e seu tutelador Ary Kara. O resultado foi o destemperamento e o revide com ataque pessoal de Isaac do Carmo, que permitiu direito de resposta para Mário Ortiz expor que a sua candidatura pessoal é competente e totalmente qualificada pelo TRE. Ao final do debate, entretanto, a verdade exposta continuou incomodando sobremaneira o cacique Ary Kara. Alterado, irritado e mal-educado confrontou o candidato da coligação Muda Taubaté. Agrediu-o e o ameaçou verbalmente, aos gritos e ofensas. A consequência não poderia ser outra, foi parar em registro de boletim de ocorrência na Polícia.

Ary Kara não faz bem a Taubaté. Não faz bem ao candidato do PT. Reflete a prática política perniciosa do gosto pelo poder, atrelada à maneirismo políticos que estão longe do bom governo e voltado para o benefício do povo. Preferem, Isaac e Ary Kara, alimentar conluios nas entranhas do poder, como é o caso nacional PT e PMDB. Não há honradez e dignidade nisso, quando a lisura do processo democrático não é feito às claras. E Isaac sabe que estar ao lado de Ary Kara é comprometimento vergonhoso e talvez altamente desqualificado. O que não se sabe, corretamente, são dos acordos feitos e estabelecidos entre os dois que podem manchar ainda mais a honra de Taubaté e dos taubateanos.

Eis o que justifica as irritações de Ary Kara e de Isaac do Carmo. Cooptam com o escondido e que ninguém mais (eleitor) pode ter conhecimento. Essa é a política de Taubaté, identificada com a prática de outro candidato, que apregoa o "tudo de novo", ou o que tudo deve continuar novamente como está para as benesses do caciquismo político e dos mesmos. E são dois espertos caciques políticos que disputam poder de mando intramuros para dominarem seus bonecões títeres - Isaac (PT) e Ortiz Jr. (PSDB): Ary Kara e José Bernardo Ortiz. Com esses acontecem as parcerias endemoniadas. Salve-se Taubaté.

Vamos compartilhar em suas time lines! Blog e afins. Vamos mostrar ao taubateano quem é quem nesta história!