Páginas

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

EX-PATRÕES DE BIBIANO "GANHAM"
OBRA SEM DISPUTAR CONCORRÊNCIA

A TPLAN, empresa de construção civil instalada em Taubaté, acaba de ser contratada pela Prefeitura para fazer as obras emergenciais na tubulação do Parque Três Marias, que ruíram com as chuvas de 2 de fevereiro deste ano.

O valor do contrato é de R$ 1.199.239,13 (um milhão, cento e noventa e nove mil e duzentos e trinta e nove reais e treze centavos). As obras estão em andamento desde 8 de fevereiro.


A licitação foi dispensada pela urgência do serviço. Afinal, várias casas foram afetadas e pelo menos cinco foram desocupadas pela Defesa Civil. O despacho, porém, só foi publicado na última quarta-feira (20).

O desastre causado pelas chuvas de fevereiro é fruto direto das obras meia boca deixadas pelo mestre de obras meia boca que Taubaté elegeu três vezes.

Tudo estaria na mais perfeita normalidade não fosse o secretário de Obras da Prefeitura, engenheiro João Bibiano, ter sido empregado da TPLAN, de onde se demitiu para assumir o cargo por indicação de Bernardo Ortiz.

O mercado da construção civil cresceu muito nos últimos anos e, em consequência, a concorrência entre as empresas também.

Não havia outra empresa para ser contratada emergencialmente? Tinha que ser justamente a empresa na qual o secretário de Obras trabalhou? É tudo muito estranho.

Aqui, o cadastro da TPLAN na Junta Comercial.