Páginas

segunda-feira, 27 de maio de 2013

TRE CASSA VEREADOR DE UBATUBA; LUIZINHO E PEIXOTO NA BERLINDA

O vereador Gerson de Oliveira – Gerson Biguá, de Ubatuba, teve sua cassação confirmada pelo pleno do Tribunal Regional Eleitoral, que não acatou o recurso interposto pelo parlamentar contra ação do PMN (Partido da Mobilização Nacional) contra sua diplomação.

O acórdão, de 22 de maio, está publicado na edição desta segunda-feira (27) do DJE do Tribunal Regional Eleitoral..

Biguá foi condenado em primeira instância por contratação irregular de funcionário quando presidia a Câmara Municipal de Ubatuba em 2001, situação análoga à dos vereadores Luizinho da Farmácia (PR) e Carlos Peixoto (PMDB), ambos de Taubaté.

Luizinho e Carlos Peixoto foram julgados e condenados pelo TRE e disputaram as eleições de 2012 escorados por uma liminar.

Cassados posteriormente pela juíza eleitoral Sueli Zeraik, os parlamentares recorreram e liminarmente se mantêm em seus cargos.

O DJE do TRE desta segunda-feira (27) publica despacho do corregedor eleitoral Antonio Carlos Matias Coltro que manda informar o advogado de “ambos os representados” que o processo deu mais um passo.

Como o processo corre em segredo de Justiça, não é possível saber se o despacho do corregedor refere-se a Luizinho da Farmácia e Carlos Peixoto, que permanecem na Câmara Municipal subjúdice.

Clique aqui para ler a notícia da cassação do vereador Gerson Biguá, de Ubatuba publicada no sítio Ubatuba Cobra.