Páginas

sábado, 21 de setembro de 2013

NOVO ENVELHECIDO

Silvio Prado, professor

Aqui tudo está igual
Tudo está do mesmo jeito
O mesmo ar de abandono
A mesma falta de leito
Pois se falta até remédio
E nem médico tem direito
Parece que mudou o nome
Mas não mudou o prefeito.

Se o que se vê na saúde
É muita esculhambação
Nem um pouco é diferente
E não melhora a opinião
De quem enxerga a cidade
Na brutal contradição
De ter tanta violência
E não cuidar da educação.

E dessa forma seguimos
Por um caminho estreito,
Esburacado, sem rumo,
Meio mundo insatisfeito
E a cidade questionando
Pois é dela esse direito
De saber por que o novo
Parece o velho prefeito?