Páginas

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

MP PEDE DESARQUIVAMENTO DE
PROCESSO CRIMINAL CONTRA JR

O prefeito cassado Ortiz Junior poderá voltar a ser réu em processo crime se o procurador-geral Márcio Fernando Elias Rosa aceitar as novas provas da participação do tucano na formação de cartel de empresas para fornecimento de mochilas escolares para a FDE.

O promotor Silvio Marques, da Promotoria de Justiça do Patrimônio Público da Capital, encaminhou ofício à Procuradoria Geral do Estado nesta quinta-feira (17/10) para solicitar o desarquivamento dos autos TJ 0082795-15.2013.8.26.0000, referente ao inquérito civil 383/2012 , no qual Ortiz Junior é denunciado por formação de cartel.

Há pouco dias, Ortiz Junior e seus lacaios inundaram as redes sociais com a “notícia” que estava absolvido pela Justiça. Insistimos que a informação se referia apenas à parte criminal do cartel e que o tucano continuava réu na Justiça Civil e na Justiça Eleitoral.

Com o pedido do promotor Silvio Marques à Procuradoria Geral de Justiça, tudo poderá voltar à estaca zero para o prefeito cassado, que soltou fogos por uma absolvição que não houve, pois o arquivamento significa que o processo não foi julgado.  Agora tem que chamar seus lacaios e acender velas. Quem sabe uma para Deus e outra para o Diabo.

Abaixo, o ofício à Procuradoria-geral do Estado.