Páginas

domingo, 16 de março de 2014

CONSIDERANDOS

Silvio Prado, professor

Considerando senhores
A dramática situação
Das finanças da cidade
E tanta esculhambação,
Eu sugiro de imediato
Pra nós uma solução.

Considerando senhores
Que aqui falta recato
E as péssimas intenções
Que o prefeito tem de fato,
Eu proponho abertamente
Cassem logo seu mandato.

Considerando senhores
Que aqui falta escola
Quando não falta saúde
E campo pra jogar bola,
Aviso que no prézinho
Já estão cheirando cola.

Considerando senhores
O roubo quase diário
Que uma certa meia dúzia
Aplica sobre meu salário
Proponho que parem logo
De me tratar como otário.

Considerando senhores
O drama do povo pobre
Que ao cobrir a cabeça
Logo uma perna descobre
Fica a minha sugestão
Que nada dele se cobre.

Considerando também
O cenário só de horrores
A amargura da pobreza
E a extensão de suas dores
Nenhum centavo a mais
Seja dado aos senhores.

Considerando ainda
A imensa zorra total
Que se apossou da saúde
Que não tem nem hospital,
Eu proponho intervenção
Na prefeitura local.

Considerando senhores
Os atos da bandidagem
E de tanto criminoso
Que nem usa maquiagem,
De imediato lhes pergunto
Onde fica a carceragem?

Enfim considerando
Que estamos no Brasil
Precisamente em Taubaté
Onde o povo e tão servil
Fraternalmente mando todos
Para a ponte que partiu.