Páginas

terça-feira, 25 de março de 2014

DILMA INAUGURA RECONSTRUÇÃO
DO PINHEIRINHO EM SÃO JOSÉ

Após a selvageria protagonizada pela Polícia Militar de São Paulo na desocupação do Pinheirinho, em São José dos Campos, em 22 de janeiro de 2012, o governo federal solucionará, enfim, o problema.


A presidenta Dilma Rousseff estará esta manhã, às 10 horas, no local, para inaugurar o início da construção de 1724 moradias para as famílias brutalmente desalojadas de seus barracos em cumprimento a uma ordem judicial esdrúxula, que não considerou o risco iminente que seria causado pelo uso da força policial.

Calcula-se que cerca de 2 mil policiais militares participaram do massacre do Pinheirinho, pondo na rua cerca de 5 mil moradores e destruindo seus barracos. As fotos da desocupação violenta, com uso de balas de borracha, bombas de efeito moral e equipamentos blindados ganharam s redes sociais, os jornais e as televisões.

Foram cenas dantescas, para dizer o mínimo.

Em homenagem a Zumbi dos Palmares, o conjunto habitacional receberá o nome de Pinheirinho dos Palmares, pela resistência de seus moradores ao enfrentar as forças policiais.

Foto tirada por mim da manifestação dos moradores do Pinheirinho em 09/01/12, na Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro. Os manifestantes foram impedidos pela PM de prosseguir viagem a Campo do Jordão, onde pretendiam  levar a reivindicação dos moradores ao governador Geraldo Alckmin, que naquele dia assinava a criação da Região Metropolitana do Vale do Paraíba.