Páginas

quarta-feira, 23 de abril de 2014

PF INTIMA OIRING PARA DEPOR
NO IPL DA LAVANDERIA TUCANA

O engenheiro Chico Oiring, um dos ex-coordenadores da campanha de Ortiz Junior à Prefeitura de Taubaté, foi intimado na tarde desta quarta-feira (23/04) para ser ouvido como a principal testemunha no IPL 0277/13-4 instaurado pelas PF para apurar possível lavagem de dinheiro nas doações ao tucano em 2012.

Chico Oiring, na PF, reafirmará denúncias feitas ao Gaeco
A apuração da Polícia Federal se baseou na explosiva declaração de Chico Oiring ao Gaeco, em São Paulo, o ano passado. As declarações do engenheiro foram consideradas por este blog uma bomba atômica a destroçar o ninho tucano. 

A lista de Chico,  que elaboramos a partir do depoimento de Chico Oiring está repleta de nomes importantes, entre os quais o coronel Athayde do Amaral (secretário municipal de Segurança),, Edsson Quirino (chefe de Gabinete), Paulo Perrota (sogro de Ortiz Junior) e muitos outros.

A PF está chamando um por um, mas já sabe que todos os recibos das doações foram assinados por Beto Ortiz, irmão do prefeito.

A PF quererá saber, por exemplo, por que a suntuosa casa do Jardim Santa Clara não foi declarada na despesa de campanha do tucano. Só com ela foram gastos cerca de R$ 60 mil. O dono da casa declarou os alugueres à Receita Federal?

Onde o funcionário que vigiava o comitê da Praça Santa Terezinha arrumou dinheiro para doar á campanha em valor superior à sua própria moto? Sua condução? A Polícia Federal está de olho na Only Entretenimnento, que doou R$ 15 mil  na campanha e recebeu os mesmos R$ 15 mil de volta. Uma maravilha!

Será que aqueles ex-cabo-eleitorais que trabalharam na campanha na expectativa de arranjarem um emprego na Prefeitura mentiram ou mentirão à Polícia Federal em seus depoimentos? Essas pessoas costumam falar a verdade.

Chico Oiring será ouvido no dia 15 de maio. Vem mais bomba por aí.