Páginas

terça-feira, 13 de maio de 2014

JUSTIÇA APOSTA NA EFICIÊNCIA
PARA ELEIÇÃO LIMPA

José Carlos Cataldi, jornalista e advogado

A Procuradoria-Geral da República desenvolveu um Sistema de Investigação de Contas Eleitorais para processar e analisar os registros bancários das contas de candidatos e partidos, por meio automático de validação e transmissão...

Até 19 de maio todos os dados devem estar atualizados. As instituições financeiras terão remetido as informações e o sistema permitirá acesso remoto à lista de candidatos inelegíveis por todos os procuradores, promotores, juízes e assessores eleitorais.

Assim como já foi possível verificar o uso de verba do fundo partidário no pagamento de defesas no processo do mensalão, o sistema emitirá relatórios com informações e ocorrências supostamente irregulares. Inclusive receberá extratos bancários de todas as contas-correntes abertas para o recebimento de recursos de campanha pela rede de computadores.

É a justiça eleitoral fechando o cerco aos fichas-sujas e outras lambanças...

Falei e disse!