Páginas

quinta-feira, 5 de junho de 2014

AINDA DEPENDE DO SENADO O FIM
DO USO DE ANIMAIS COMO COBAIAS

José Carlos Cataldi, jornalista e advogado

Proibição da uso de animais em testagem de cosméticos ainda depende do senado.

O projeto é do deputado Ricardo Izar, do PSD de São Paulo. Foi aprovado na câmara, inspirado na invasão do Instituto Royal por militantes defensores de animais que acabaram resgatando e até adotando cães da raça beagle submetidos a maus tratos, na cobaiagem de produtos de beleza.

A matéria, como aprovada na câmara prevê multa de mil a 500 mil reais para quem insistir na prática, indicando inclusive a existência de outros meios para testar a qualidade de cosméticos.

Incrível que depois de conquistar o espaço o homem ainda se utilize do sacrifício seres sensíveis, e, ainda precise de leis para combater a futilidade.

Falei e disse!