Páginas

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

NÃO PENSE QUE É DE GRAÇA

José Carlos Cataldi, jornalista e advogado

A chamada propaganda eleitoral gratuita custa milhões de reais aos bolsos dos contribuintes.

Ninguém fala em projetos e propostas. Agressões e posturas caricatas para todos os gostos. Imposição a que as pessoas assistam. Assim pode ser feito o resumo do hilário eleitoral, ou melhor, horário eleitoral gratuito. Quer dizer, gratuito só pra eles. Nós pagamos.

Só este ano, a estimativa da Receita Federal é de que a União deixe de arrecadar 840 milhões de reais em impostos com as inserções veiculadas entre 19 de agosto e 24 de outubro. A quantia será descontada do total de tributos pagos pelas empresas de rádio e TV de sinal aberto, obrigadas a veicular a publicidade obrigatória.

Ninguém merece!

Falei e disse!