Páginas

domingo, 19 de outubro de 2014

COXINHAS

Silvio Prado, professor

Na cabeça de coxinha
Quando muito tem cabelo
O resto é crânio vazio
Cérebro fazendo apelo
Pedindo logo neurônios 
Nem que seja de camelo.

Portanto, cabeça coxinha
Não disfarça seus defeitos
Uma carência de dados
Pensamentos tão estreitos
Coisas que tornam coxinha
Um idiota perfeito.