Páginas

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

PRESIDENTE DA CÂMARA PROMETE
PISAR EM TEMAS POLÊMICOS

José Carlos Cataldi, jornalista e advogado

Temas polêmicos como legalização civil, casamento civil de pessoas do mesmo sexo e regulação da mídia não devem ter facilidade de aprovação na Câmara dos Deputados.

Não depende só dele. Mas, a influência do presidente da Câmara na composição da pauta e na votação das matérias é importante. Vai daí a afirmação enfática do deputado Eduardo Cunha, do PMDB, ao afirmar: "Aborto, união civil de pessoas do mesmo sexo e regulação da mídia só serão votados passando por cima do meu cadáver".

Cunha, seguidor da Igreja Sara Nossa Terra, aos 56 anos, não faz concessões e diz textualmente: "Não tenho que ser bonzinho”.

Pelo visto o mandato do novo presidente da Câmara vai ser de confronto.

Falei e disse!