Páginas

domingo, 12 de julho de 2015

BLOG DO CATALDI - 12/07/15



DOMINGO, 12 DE JULHO DE 2015

PRO-VALE - EDIÇÃO DE FÉRIAS

MALDADE – Mentiram de novo ao Povo!!! No dia 10 de julho, aniversário de Pindamonhangaba – 310 anos; convocaram a população “sem teto” para um cadastramento que ocorreria no lançamento das obras do futuro loteamento “Bem Viver”, no Araretama. Para fazer bonito frente ao governador, o ministro das cidades e o deputado petista Ricardo Berzoíni, dizem que “João Gênio do Mal” espalhou, como verdade, boato aos 4 ventos. Foi distribuída uma carta com os seguintes dizeres: “Sua presença é fundamental para confirmar sua inscrição no Programa Habitacional e para que a Secretaria da Habitação possa dar continuidade em seu trabalho”. Teve gente que dormiu no chão a espera da chance de conquistar um dos 1536 apartamentos populares financiados pelo “Programa de Aceleração do Crescimento”... Que vergonheira! Segura essa Inhonho! Conta para eles, senhor Ouvidor!

TIRO NO PÉ – A população sentiu-se frustrada e enganada. Havia muitas mães com crianças de colo. Gente idosa... A estrada Municipal Carlos Lopes Guedes Filho (sem pavimentação), único acesso ao local; tornou-se inviável, tal a quantidade de pedestres e automóveis, em meio à poeirada.

PICARETAGEM – Depois dos enfadonhos discursos ridículos, reivindicatórios da paternidade da favela de concreto, veio a constatação de que o cadastramento era “caô”. O máximo que se conseguiu em meio ao empurra-empurra foi um informativo com a lista dos documentos necessários, dia e horário para comparecerem diretamente à Secretaria da Habitação. Ou seja, ninguém tinha necessidade de passar por tamanho transtorno, desconforto e humilhação.

REVOLTA – Muitos se sentiram ludibriados. Houve revolta. Não se sabe de onde apareceram tantos narizes de palhaço, com que muitos passaram a desfilar diante do governador. Geraldinho, liso, tratou de dizer que não autorizou a prefeitura a mentir para o Povo. Em gente que tinha outros compromissos ou faltou ao trabalho, brotou sensação de servir de “massa de manobra” pra fazer volume. Faltou até água para beber e os banheiros químicos não foram suficientes. Que coisa feia, Vitão!!! Obra sua ou do João Gênio do Mal? Quem sabe do Inhonho...

REPROVAÇÃO – Até velhos aliados criticaram a covardia com o Povo. Benilton do Amendoim não gostou do que viu. Disse a este Colunista que Geraldo Alckmin culpou a prefeitura por falhas no cadastramento dos pretendentes. Jogo de empurra. Esse PSDB...

VALE TUDO – A campanha eleitoral se avizinha tão árdua que tem candidato se vestindo de Balú na praça, em busca do voto dos pais dos escoteiros. O prefeito foi lá engravatar o marmanjo de calças curtas. Passou dois dias vestido assim... Baden Powell ficaria revoltado de ver o uso político de sua obra.

COISAS DE UMA VILA RICA? – Será que a vila é tão rica que pode gastar luz a toa? Parece que a construção de um teto (que não ampara da chuva de vento) sobre a quadra do Vila Rica foi a grande obra do governo de “The Swimmer”... A luz fica acessa noite e madrugada na quadra vazia para chamar a atenção, em plena crise de energia. Como se o dinheiro de nossa suada “contribuição por iluminação pública” fosse capim. Francamente...

DE LEITOR ASSÍDUO – “Tenho acompanhado sua critica sobre o velório. Respeitosamente, informo que o velório não é municipal. A Prefeitura concedeu auxilio financeiro para construir o prédio e para equipar o velório, para que gerasse renda para a Santa Casa, que na época estava em situação dificil. Não consegui acessar as leis municipais pelo site da Câmara, mas o vereador poderá pedir a Diretoria. Foi no governo do Alckimin(sic). As leis são auto explicativas, e se necessitar de mais esclarecimentos, é solicitar as mensagens que acompanharam os projetos de leis...”.

ESPERA... – Com todo respeito Caríssimo, prefiro esperar que a prefeitura cumpra o dever de informar aos vereadores requisitantes (prazo de 15 dias úteis expirado) para, depois, publicar a versão oficial. Sempre ouvi dizer, meu caro Leitor, que “devemos dar de graça o que se recebe de graça”. Sobretudo em relação aos pobres, dependentes da Misericórdia Santa... 
VISITA ILUSTRE – “Valeu Cataldi. Visitei sua cidade neste último fim de semana, por conta dos Jogos Florais (Concurso de Trovas) lá realizado. Minha trova Vencedora do tema Ousadia: “Neste mundo irreverente,/ que tanto nos faz sofrer,/ minha ousadia é ser gente/ que em gente é capaz de crer! (ass.) Carolina Ramos...”.  Valeu Carol!

ESCLARECIMENTO – Fico feliz pelo reconhecimento público de minha identidade Pindense. Já me disseram que Pindamonhangabense é quem nasce. Pindense é que ama, como eu, Carolina. Hoje me considero o mais Pindense entre os Cariocas e o mais Carioca entre os Pindenses...

FÉRIAS – A revolta com os desmandos desse governo me fazem tirar férias. Mereço. É muito estresse relatar tantos desmandos. E, assim o blog fica mais tempo no ar com estas relevantes notícias.

José Carlos Cataldi é jornalista, radialista e advogado. Foi fundador da CBN e consultor jurídico da Rádio Justiça do Supremo Tribunal Federal. É detentor da Ordem do Mérito Judiciário – grau de comendador; Atuou nas Empresas Globo, Radiobrás (Presidência da República); TV Rio/Record; Redes Manchete e Brasil de Televisão; foi 4 vezes Conselheiro Federal e Presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB. e-mail: josecarloscataldi@hotmail.coBlog:http://pensandovoce.blogspot.com