Páginas

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

O PERIGO DAS ANOTAÇÕES
NAS COSTAS DO CHEQUE

José Carlos Cataldi, jornalista e advogado

Assisti à palestra de um policial experiente e acordei para um detalhe que nunca havia me dado conta: o perigo das anotações nas costas do cheque, exigidas por muitas empresas recebedoras. Maioria das pessoas faz isso automaticamente, sem reclamar. Só que ninguém está obrigado a colocar telefone e endereço atrás do cheque. O comerciante, querendo as informações, que faça um cadastro.

A explicação da negativa é lógica. O cheque certamente será passado adiante e suas informações pessoais também. Vai daí que podem cair em mãos inescrupulosas, ensejando falsos seqüestros e pedidos de resgate, entre outras situações criminosas que o farão vítima.

Também não é prudente: fornecer telefone residencial. Dê sempre que possível o comercial... Não exibir informações no para brisas do carro: adesivos de faculdade, do condomínio em que mora... Evitar compras por telefone ou Internet, evitando fornecer número do Cartão de Crédito. Opte por boleto bancário.

São alguns dos muitos cuidados que se deve ter para não ser vítima de golpes... Como a lição foi proveitosa, estou passando adiante.

Falei e disse