Páginas

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

ESTAÇÃO FERROVIÁRIA DE TAUBATÉ
COMPLETA 140 ANOS E 20 DE ABANDONO

A estação de Taubaté é o retrato do abandono e do desleixo com o patrimônio histórico municipal.
Texto e foto do professor Silvio Prado
(extraído do Facebook)

A velha Estação Ferroviária nem parece um prédio que faz parte da história de Taubaté. Esta lá abandonada há mais de vinte anos. Roberto Peixoto,quando prefeito, até tentou negociar com a empresa responsável pela velha estação e colocá-la sob administração da prefeitura. Ele pensou transformar o local em um centro cultural. Nada saiu do papel. Agora, no governo Ortiz Jr, o prédio continua do mesmo jeito. Do lado de dentro, temos um grande criadouro de baratas, ratos e pombos. Do lado de fora, continua oferecendo abrigo a moradores de rua e drogados. Mesmo com enorme placa afirmando que o prédio será transformado numa tal Estação Conhecimento, nada garante que assim será. A empresa responsável pelo projeto, Instituto I.S de Desenvolvimento e Sustentabilidade Humana de Taubaté, tem o apoio de dezenas de empresas destacadas de nossa região e se propôs captar recursos para a revitalização do local. Mesmo com o pomposo nome e “apoio cultural de tanta gente rica”, o Instituto I.S não conseguiu captar, segundo o seu site, os R$ 50 mil que precisa para revitalizar o local. Desde 2014 conseguiu apenas R$ 4550,00. Pelo andar da carruagem, o abandono do prédio histórico continuará ainda por muito tempo. Estamos no ano em que a velha estação completa 140 anos, inclusive com 20 anos em total abandono. No entanto, ao invés de a prefeitura assumir o controle do local e transformá-lo realmente em ponto de cultura para o taubateano, ela faz corpo mole e permite que o prédio vá parar nas mãos da iniciativa privada que, até agora, apoiada por grandes empresas, não colocou um centavo no local. Só falta aparecer um projetinho do “excelentíssimo” colocando o dinheiro público para socorrer o tal Estação Conhecimento que nunca saiu do papel.