Páginas

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

O QUE FEZ GRAÇA NA CÂMARA?

Extraído do Facebook
Nome completo: Maria das Graças Gonçalves Oliveira
Partido: PSB
LEI : ................2013 = 1 / 2014 = 5 / 2015 = 9
LEI COMPL.: ..NENHUMA
RESOLUÇÃO : NENHUMA
DECRETO : .... 2013 = 3 / 014 = 1 / 2015 = 0
- Há 3 mandatos , sentadinha na cadeira milionária , sem fazer absolutamente nada em favor de quem lhe sustenta, vive da política do oportunismo, é do time do tomeladacá, é preciso muita caradepau e insistência , é top no assistencialismo, mantém se no pódio graças ao fim de ano e seus presentinhos de R$ 1,99 e uma força incrível de uma entidade conhecida pela excelência no ensino técnico que outrora reconhecida pela seriedade e atual curral eleitoral da famiglia, sendo o maninho diretor do valioso cadastro que virou fonte de captação de votos e picaretagens de toda natureza.
Vamos aos números, 15 leis das quais 13 tratam de nomes de ruas e outras 2 , que dificilmente terão aplicabilidade no cotidiano da sociedade, como ninguém é de ferro foi de autoria desta vereadora o aumento de homenagens caça-votos, é quando resolvem pegar o dinheiro de todos para homenagear alguém que a maioria dos pagadores de impostos nunca ouviu falar, mas de repente tem uma família grande , isto quer dizer mais votinhos em outubro, enfim não vale como agente politico os R$ 1,99 que costuma presentear os participantes de seu curralzinho eleitoral, espero que não prossiga na mamata , mas o povaréu se quiser cometer a sandice de reelege-la ja comecem a gritar para melhorar os tais presentinhos, sugestão peçam estes celulares ultra modernos, tablets, Playstation, etc....não se preocupem, madame não vai ficar mais pobre, bufunfa não falta, o cofre publico é fonte inesgotavel de recursos.
Voce que se preocupa com o futuro da sociedade em geral, a culpa de quem por tantas eleições desta madame ? 
– Acertou quem pensou política rasteira de assistencialistas, clientelistas e oportunistas, sendo que o trabalho se resume a interesses pessoais.
Se oposição e situação, que não existem mais, imaginassem o amanhã, se os politicos trabalhassem para melhoria do povo em eterno estado de “vulnerabilidade social “, a falta de educação endêmica que deveria vir de casa , impunidade em todos os níveis, esta sociedade estaria em outro plano social, enão votando em madames desta qualidade.
Por enquanto, a multidão se revolta com escândalos oriundos de Brasília e Curitiba, mas não conseguem enxergar os escândalos diários a que são submetidos em seu próprio quintal, continuam se corrompendo trocando votos por pequenas vantagens pessoais, num jogo de pobreza eterna de espírito e material, de quem corrompe e de quem aceita ser corrompido, enfim quanto mais miséria, melhor para manutenção da boa vida desta canalhada que infesta a politica local. agora a bandalheira tomou ares italianos pelo lado familiar , me faz lembrar da cosa nostra, a camorra, da 'Ndrangheta, só gente da maior qualidade e fino trato.
Principais votações:
2011:
– Votou A FAVOR da cassação do ex-prefeito Roberto Peixoto (sem partido), no caso da Acert.
2012:
– Votou A FAVOR para a abertura de Comissão Processante contra o ex-prefeito Roberto Peixoto (sem partido), no caso da Home Care.
– Apoiou ORTIZ JUNIOR (PSDB) na última eleição municipal.
2013:
– Como presidente da Câmara, NÃO PARTICIPOU da votação do reajuste no salário dos secretários municipais.
– Votou pela APROVAÇÃO das contas de 2008 do ex-prefeito Roberto Peixoto.
– Como presidente da Câmara, NÃO PARTICIPOU da votação da terceirização da gestão de serviços públicos por OS’s (Organizações Sociais).
– Esteve AUSENTE na votação das contas de 2009 do ex-prefeito Roberto Peixoto.
– Como presidente da Câmara, NÃO PARTICIPOU da votação do reajuste de 6,49% no próprio salário.
– Votou CONTRA a abertura da CP (Comissão Processante) das denúncias eleitorais contra o prefeito Ortiz Junior (PSDB).
– ASSINOU a abertura da CPI da Saúde.
– NÃO ASSINOU a abertura da CPI das Licitações.
– ASSINOU a abertura da CPI da Unitau.
– Como presidente da Câmara, NÃO PARTICIPOU da votação do abono de R$ 2.000 para servidores da Câmara
– Como presidente da Câmara, NÃO PARTICIPOU da votação do abono de R$ 500 para servidores da prefeitura
2014:
– Votou pela REJEIÇÃO das contas de 2010 do ex-prefeito Roberto Peixoto.
– Esteve AUSENTE na votação do projeto da minirreforma tributária.
– NÃO ASSINOU a abertura da CPI da Dengue.
– Esteve AUSENTE na votação do reajuste de 6,28% no próprio salário.
– Votou CONTRA a abertura da CP (Comissão Processante) por suposta infração político administrativa do prefeito Ortiz Junior (PSDB), ao não conceder reajuste salarial para o funcionalismo.
– Esteve AUSENTE na votação do projeto para a criação de 11 cargos comissionados para a prefeitura.
– Candidata a DEPUTADA ESTADUAL pelo PSB, não eleita.
– Votou A FAVOR da criação do Plano de Amortização do Déficit Atuarial do IPMT (Instituto de Previdência do Município de Taubaté).
– Votou A FAVOR a criação da Taxa de Luz em Taubaté.
2015:
– NÃO ASSINOU a abertura da CPI da Superbactéria do Hospital Universitário
– NÃO ASSINOU a abertura da CPI dos Radares
– Esteve AUSENTE da votação das contas de 2011 do ex-prefeito Roberto Peixoto.
– Votou pela REJEIÇÃO das contas de 2012 do ex-prefeito Roberto Peixoto.
– Votou A FAVOR do reajuste de 6,5% no próprio salário.
– Esteve AUSENTE na votação do veto do prefeito que proibiu fiscalizações não agendadas em escolas municipais.
– Votou A FAVOR do empréstimo de US$ 60 milhões junto ao CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina).
– Esteve AUSENTE na votação do projeto que autoriza o município a usar bens e recursos da prefeitura, Unitau e IPMT como garantia nos contratos de PPP.
– Estava DE LICENÇA na votação do pacote de projetos que autoriza o município a doar 14 áreas para empresas.