Páginas

segunda-feira, 9 de maio de 2016

ALUNOS OCUPAM ETEC DE TAUBATÉ

Geladeira compartilhada por professores e alunos da ETEC
Dr. Geraldo José Rodrigues Alckmin, pai do governador paulista,
está cheia de marmitex levadas elos estudantes
Silvio Prado, professor (extraído do Facebook)

A Escola Técnica Estadual – ETEC – em Taubaté foi ocupada por seus estudantes nesta manhã, 9 de maio.

A ETEC de Taubaté, mesmo levando o nome de Dr José Geraldo Rodrigues Alckmin, pai do governador Geraldo Alckmin, enfrenta todos os problemas que nos últimos dias vem sendo denunciados por alunos de outras escolas técnicas estaduais paulistas, inclusive falta de merenda.

Conforme informou um dos professores da escola (que preferiu não se identificar), há quatro anos que os alunos sofrem com o problema da merenda.

Os que frequentam o período integral, sem a alimentação fornecida pelo Estado, levam marmitas que são requentadas em banho-maria.

Mesmo com as reformas feitas pelo prefeito do PSDB Ortiz Junior, a escola não oferece refeitório aos seus 400 alunos. A precariedade estrutural, marca das escolas públicas estaduais paulistas, é visível na ETEC de Taubaté tanto que parte das reformas feitas recentemente pelo prefeito da cidade, em acordo com o governo estadual, já estão caindo.

Neste momento, professores e funcionários estão na porta da escola. E os alunos, num fato inédito em Taubaté, seguem no processo de ocupação.

A foto junto ao texto é da geladeira em que os alunos guardam as marmitas que trazem de casa.

Ela fica na cozinha usada por professores e funcionários que, num ato solidariedade, permitem que o uso da mesma seja compartilhado também por alunos. Porém, uma só geladeira não é o suficiente para atender a demanda da escola.