Páginas

terça-feira, 13 de setembro de 2016

O DIA EM QUE OS PARTIDOS
DERROTARAM A GLOBO

Da esquerda para a direita: Donizeti Lousada (PSDC), José Saud (PMDB), Isaac do Carmo (PT), Pollyana Gama (PPS),
Silvio Prado (PSOL), Vera Saba (PMB) e Ortiz Junior (PSDB). De comum acordo, candidatos não cedem à pressão da Globo/Vanguarda que queria apenas cinco candidatos em seu debate, com a exclusão dos dois últimos colocados em
pesquisa que promete divulgar na próxima segunda-feira (19)
Não foi bem do jeito que a Globo/Vanguarda queria.

Acostumada a impor sua vontade ao políticos, a Globo/Vanguarda deve cancelar o debate que realizaria com os candidatos á prefeito de Taubaté, sem a presença dos partidos que não tem ao menos 9 deputados na Câmara dos deputados.

Seriam prejudicados Silvio Prado (PSOL), Vera Saba (PMB) e Donizeti Lousada (PSDC).

Participariam do debate somente José Saud (PMDB), Isaac do Carmo (PT), Pollyana Gama (PPS) e Ortiz Junior (PSDB), mesmo que sua candidatura esteja indeferida.

A Globo/Vanguarda, prometeu “ir além” da legislação e convidaria para o debate o 5º colocado na pesquisa que está realizando e que deve divulgar na próxima segunda-feira (19).

Ou seja, mesmo assim, dois candidatos ficariam de fora do debate.

Os partidos não aceitaram.

Derrubaram a pauta do jornal das sete.

A diretora regional de jornalismo da Globo/Vanguarda cancelou o debate, que poderá ser realizado pela Band Vale.