Páginas

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

JOFFRE, O CARNAVAL TE ESPERA
DIA 9 DE FEVEREIRO EM SÃO LUIZ

O ex-vereador de Taubaté Joffre Neto (PSB) depõe como réu em ação de improbidade administrativa movida contra ele e Edilene Alves Pereira pela justiça pública de São Luiz do Paraitinga no próximo dia 9 de fevereiro. É o carnaval do Catão.
A Prefeitura anunciou nesta segunda-feira (23) que não haverá carnaval em São Luiz do Paraitinga.

Mesmo assim o ex-vereador Joffre Neto (PSB), mais um na fila do desemprego em Taubaté, está convocado para comparecer na terra de Oswaldo Cruz.

O convocação não partiu da Prefeitura ou de algum folião desavisado sobre o cancelamento do tríduo momesco na cidade.

Não!

Não se trata de convite e sim de intimação.

Portanto, Joffre Neto vai dançar miudinho, antes do Carnaval, para explicar  à juíza de São Luiz do Paraitinga sua contratação fraudulenta pela Câmara Municipal do aprazível município serrano.

Como explicar os mais de R$ 28 mil recebidos em 2009 (cerca de 40% do orçamento da Câmara naquele ano)?

A juíza por certo quererá saber onde foi feita a palestra pela qual Joffre Neto recebeu mais de R$ 4 mil em 2010, quando a cidade estava debaixo de mais de seis metros e água, na maior enchent4 de sua história, certamente.

Se condenado, conforme petição da Promotoria Pública, Joffre Neto terá que devolver aos cofres públicos de São Luiz do Paraitinga cerca de R$ 81 mil.

Uma importância muito alta para quem está desempregado.

Joffre está no colo de Ortiz Junior, que poderá empregá-lo para coordenar o SAMU. Acostumado que está a burlar a Justiça, não duvido que o prefeito descassado lhe garanta o emprego.

Aqui, o despacho da Justiça de São Luiz do Paraitinga convocando o ex-vereador para nova audiência, dia 9 de fevereiro. Joffre deve dançar sozinho, antes do Carnaval.

Remetido ao DJE
Relação: 1839/2016
Teor do ato: Vistos.Ante o quanto aclarado pelo correquerido Joaquim Marcelino Joffre Neto em seu pedido de fls. 1613/1615, que acolho, redesigno a audiência de fls. 1590 (13/12/2016, às 17:10 hs), para o dia 09 de fevereiro de 2017, às 15:00 horas. Intimem-se os requeridos, por carta com AR, com as advertências legais, para que prestem depoimento pessoal na audiência, sem prejuízo destes serem intimados através de seus procuradores e, estes, pela imprensa oficial (DJE).Rol de testemunhas no prazo legal.Ciência ao Ministério Público (autor).Dê-se baixa na audiência.Int.São Luiz do Paraitinga, 28 de novembro de 2016.
Advogados(s): Luiz Guilherme Paiva Vianna (OAB 210501/SP), Paulo Ivo da Silva Lopes (OAB 315760/SP)