Páginas

terça-feira, 4 de abril de 2017

SERVIDORES AGUARDAM LICENÇA-PRÊMIO DESDE 2010. ODILA SANCHES FUROU A FILA

São 1280 servidores aguardando pela licença-prêmio. Odila furou a fila para se autobeneficiar e desrespeita os demais

Com o poder que lhe confere a cadeira de secretária de Finanças e Administração da Prefeitura de Taubaté, Odila Sanches se autoconcedeu a licença prêmio a que julga ter direito, em detrimento de pelo menos 1279 servidores.

A namorada de Bernardo Ortiz, o “Velho”, tem a lista com os 1.280 processos de servidores que tem direito à licença-prêmio. Odila é apenas uma entre os 1280, mas a licença-prêmio dela saiu na frente até de quem espera desde 2010.

A própria Odila assinou o contra-cheque de R$ 69.192,72 em nome da Prefeitura para si mesma, de um total de R$ 78.367,40. A diferença (R$ 9.174,68) foi para o pagamento do IPMT, imposto de renda e outros descontos não especificados no portal da transparência.

Segundo a lista divulgada pela própria Prefeitura, há 6 servidores na fila de espera desde 2010, 5 desde 2011, 5 desde 2012, 13 desde de 2013, 96 desde 2014, 495 desde 2015 e 660 desde o ano passado

Faltou critério para a secretária de Administração e Finança na hora em que resolveu pagar a si mesmo em flagrante desrespeito aos demais servidores.

A própria Odila Sanches pode estar na lista de servidores que aguardam a licença-prêmio desde 2010, se bem que seu direito é bastante discutível..


Abaixo, a lista do processo de servidores que \aguardam a licença-prêmio.